Medicamentos que afetam a ereção

Medicamentos que afetam a ereção incluem todas as substâncias com efeito depressivo no córtex cerebral. Isto é principalmente álcool e drogas narcóticas, que, além de afetar o cérebro, causam uma depleção geral do corpo, que de nenhuma maneira contribui para a função erétil em particular ou a função reprodutiva em geral. Em tais casos, para restaurar uma ereção normal, não apenas a completa abolição da droga é necessária, mas também um período de re-valvescência adequadamente conduzido.

Além disso, existem alguns medicamentos de acordo com a classificação farmacológica dos mais diversos grupos que têm a capacidade de bloquear as terminações nervosas periféricas responsáveis ​​pela ocorrência de uma ereção. Quem sabe, por exemplo, que os anti-histamínicos, cujo representante mais famoso é a difenidramina, por esse motivo não devem ser tomados por mais de 10 dias? Se a questão de uma ereção normal não é indiferente a você, então quando você está prescrevendo qualquer droga, pergunte ao médico se ela causa tais violações.

As causas neurológicas da disfunção erétil podem ser atribuídas a doenças como epilepsia, doença de Parkinson, esclerose múltipla, lesões do cérebro e da medula espinhal, pelve e períneo e várias operações nessas áreas. Como regra geral, outras manifestações da doença são tão graves e graves que os problemas de ereção vão ainda mais longe do que em segundo plano. No entanto, um prejuízo acentuado da função erétil após a cirurgia ou lesão, muitas vezes se torna um problema sério. Infelizmente, mesmo aqui as possibilidades da medicina moderna deixam muito a desejar, e é raro quando tais pacientes podem ser ajudados de maneira diferente do que implantando um pênis protético.

Esses distúrbios podem se desenvolver em doenças como endarterite, aterosclerose da aorta e grandes artérias, aneurisma da aorta, varizes, como resultado de várias lesões na região pélvica e no períneo. Infelizmente, as causas das violações do mecanismo vascular da ereção hoje não são tão bem estudadas que, em cada caso, foi possível identificar com segurança a causa raiz que causou a violação da função erétil. Saiba como evitar esses sintomas acessando Endoxafil funciona.

Especialmente é necessário se debruçar sobre os problemas de ereção com hipertensão e diabetes mellitus. A disfunção erétil com eles pode estar associada a diferentes grupos de causas – neurológicas, vasculares, locais e medicamentosas. E isso faz com que o tratamento dos problemas eréteis com essas doenças seja extremamente difícil.

You may also like